sexta-feira, 29 de abril de 2011

Professor Ângelo Marques


Nascido a 1 de Dezembro de 1980 em Lisboa, Ângelo Lemos Marques começou a estudar música em 1996 no Conservatório de Música da Guarda onde aprendeu guitarra clássica.
Em 1999 ingressou na Escola Superior de Educação de Leiria onde se licenciou em Educação Musical tendo realizado estágios na Escola Básica de Marinheiros, na Escola Básica de Arrabalde e na Escola Básica Dom Dinis. Fez parte da Tuna Mista da Escola Superior de Educação de Leiria.
Em 2006 lecionou Educação Musical no Agrupamento de Escolas da Área Urbana da Guarda.
Em 2007 integrou o projeto Zéthoven como docente de Educação Musical no Agrupamento de Escolas de Pinhel onde permaneceu até 2010. Entre 2008 e 2010 tornou a frequentar o Conservatório da Guarda onde estudou guitarra portuguesa.
Atualmente é co-diretor da Academia de Música de Pinhel onde leciona Formação Musical e Prática Instrumental. Acumula também as funções de professor de Educação Musical nas escolas do 1.ºciclo e jardins-de-infância pertencentes ao Agrupamento de Escolas de Pinhel. 

A nível pessoal dedica-se à recolha de música tradicional através da qual desenvolveu prática instrumental de bandolim e viola beiroa. É fundador e compositor no projeto musical SEX IANUAE.

quinta-feira, 7 de abril de 2011

Professor Pedro Amaral

Nasceu em Gonçalo (Guarda) em 1985.
Começou os estudos na área da música aos 10 anos de idade em piano, no Conservatório de Música de Belmonte, concluindo no ano 2000 o 5º grau de instrumento.
De 2001 a 2008 frequentou e terminou o curso de percussão na Escola Profissional de Artes da Beira Interior, participando ativamente em diversos concertos, estágios, gravações de CD e cursos de aperfeiçoamento, de destacar o “1º Estagio de Percussão” com o professor Eduardo Lopes e o Contrabaixista João Piedade (Bandemonio) e varias  Masterclasses  com os professores de percussão Jean  Françouis Lézé, Mário Teixeira, Hugo Vieira, entre outros.
Realizou vários concertos com o Grupo de Percussão, Orquestra de Sopros e Orquestra Sinfónica da EPABI em várias partes do país, destacando Porto - Casa da Música, Lisboa - Aula Magna, entre outros.
A partir de 2004 lecionou aulas de bateria/percussão, classe de conjunto e educação musical em várias instituições, participando como professor no projeto do Conservatório de Música de Belmonte “ é fixe brincar com a música” em várias escolas do concelho.
Atualmente encontra-se a terminar o curso de Produção Musical na Escola Superior de Artes Aplicadas de Castelo Branco com os professores Gustavo Costa, Rui Dias e o Musico/Produtor Mário Barreiros, e a lecionar aulas de percussão/bateria na Academia de Música de Pinhel e na Escolinha de música do Centro Cultural de Gonçalo.

terça-feira, 5 de abril de 2011

Maestro/Professor Gonçalo Pinto


Nasceu em Castelo Branco em 1983.
Iniciou os seus estudos musicais aos 8 anos de idade na escola de música da Filarmónica Retaxense.
No ano 1999 ingressou na Escola Profissional de Artes da Beira Interior (EPABI), onde frequentou o ensino secundário, que concluiu no ano lectivo 2003/2004 na classe do professor Fernando Jorge, com a classificação final de 17 valores.
Em 2009 concluiu a Licenciatura Bi-Etápica em Trompete na Escola Superior de Artes Aplicadas de Castelo Branco, na classe do professor António Quítalo.

Em 2012 concluiu o Mestrado em Ensino da Educação Musical no Ensino Básico na Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Castelo Branco.
Frequentou diversos MasterClass com trompetistas como Stephen Mason, Michael Sachs, Laurent Filipe, José Augusto Carneiro e António Quítalo.
Participou no primeiro Estágio de Symphonic Brass realizado na Universidade de Aveiro sob a direcção do maestro Jarret Butler e com o professor de trompete Jorge Almeida.
Participou, também, em diversos estágios de Orquestra e Música de Câmara com a Escola Superior de Artes Aplicadas de Castelo Branco sob a orientação de maestros como Cesário Costa, Osvaldo Ferreira, Xavier Ggnepain, Vasco Pearce de Azevedo, Mauricio Dini Ciacci, Timothy Russell e Rui Massena e de professores como Pedro Ladeira e Alexandre Vilela.
Com a Escola Profissional de Artes da Beira Interior participou em vários estágios de Orquestra e Música de Câmara orientados por professores como António Costa, Amílcar Gameiro, Luís Fortuna, Paulo Ricardo Carmo e Maciel Matos.
Frequentou, igualmente, estágios de Orquestra e Música de Câmara com a Academia de Música e Dança do Fundão e com o Conservatório Regional de Castelo Branco sob a orientação, respectivamente, dos professores João Correia, José Carlos e Pedro Ladeira.
Em 2007 foi trompetista na Banda Sinfónica do Exército.
Foi maestro titular da Filarmónica de Tinalhas e da Sociedade Filarmónica Vicentina.
Tem experiência em trabalho musical com crianças desde o ensino pré-escolar.
Atualmente exerce funções na Academia de Música de Pinhel, da qual é Director-Coordenador e onde leciona as disciplinas de Prática Instrumental e Música de Câmara.
Encontra-se, também, a lecionar na Sociedade Filarmónica Bendadense.
É docente no 1º Ciclo do Agrupamento de Escolas de Pinhel.
É, desde janeiro de 2011, maestro titular da Banda Filarmónica de Pinhel.

Desfile de Carnaval 2011

Foi no passado dia 4 de março que a cidade de Pinhel foi palco de mais um tradicional desfile de carnaval inserido na 16ª edição da Feira das Tradições e Atividades Económicas do concelho de Pinhel.

Sob o tema "O vinho e a vinha", realizou-se um desfile temático protagonizado pela comunidade escolar de todo o concelho, este ano com o contributo especial da Banda Filarmónica de Pinhel que animou a atividade.

Para quem já não se lembra, aqui ficam algumas recordações...

segunda-feira, 4 de abril de 2011

Atividades do mês de março 2011

O passado mês de março foi um mês de bastante trabalho para todos os elementos da Banda Filarmónica de Pinhel.

Por entre aulas e ensaios, houve ainda tempo para realizar algumas atuações e animar as gentes da cidade e do concelho.

Logo no princípio do mês, mais concretamente no fim de semana do Carnaval (dias 4 e 5 de março), a banda animou o tradicional desfile de carnaval da cidade e realizou um concerto na 16ª edição da Feira das Tradições e Atividades Económicas do concelho de Pinhel.

Por fim, no dia 26 do mesmo mês, foi a vez de a freguesia de Cerejo receber mais um dos concertos integrados no programa "Aldeias em Festa".

Reveja, em baixo, alguns desses momentos.

Concerto na Feira das Tradições (05-03-2011)

Concerto na Feira das Tradições (05-03-2011)

"Aldeias em Festa" em Cerejo

"Aldeias em Festa" em Cerejo

domingo, 3 de abril de 2011

Vídeo promocional

Se ainda não conheces bem a Banda Filarmónica de Pinhel, vê o vídeo e descobre o que ela te pode proporcionar!

Inscrições abertas

Agenda 2011

Janeiro
Dia 15 – Reigadinha
Dia 29 – Lamegal (concerto “Aldeias em Festa”)

Fevereiro
Dia 6 – Vendada
Dia 26 – Vale de Madeira (concerto “Aldeias em Festa”)

Março
Dia 26 – Cerejo (concerto “Aldeias em Festa”)

Abril
Dia 9 – Santa Eufêmia (concerto "Aldeias em Festa")
Dia 25 – Pinhel (Comemorações do Dia da Liberdade); Vilar de Amargo

Maio
Dia 1 – Malta
Dia 7 – Valbom
Dia 15 - Vale de Estrela
Dia 21 – Ervedosa (concerto "Aldeias em Festa")

Junho
Dia 12 – Pinhel (Festa de Santo António)
Dia 19 – Comemorações do 25º Aniversário da Banda (Pinhel)
Dia 23 – Pinhel (Corpo de Deus)
Dia 25 – Lameiras (concerto "Aldeias em Festa")
Dia 26 – Festa de encerramento do ano lectivo da Academia de Música de Pinhel

Julho
Dia 31 – Roque

Agosto
Dia 6 – Vale de Madeira
Dia 7 – Quintã dos Bernardos
Dia 13 – Penedo da Sé
Dia 14 – Gouveias
Dia 15 – Cerdeira do Côa
Dia 19 – Freixedas
Dia 21 – Manigoto
Dia 25 – Pinhel (Comemorações do Dia da Cidade)
Dia 27 – Prados

Setembro
Dia 3 – Arcozelo da Torre
Dia 4 – Santa Eufêmia
Dia 11 – Pinhel (Festa de Nossa Senhora de Fátima)

Novembro
Dia 13 - "Recita Dominicalis" - Vale de Madeira e Freixedas

Dezembro
Dia 18 - "Recita Dominicalis" - Bogalhal
Dia 20 - Festa de Natal dos idosos (Pinhel)
Dia 23 - Concerto de Natal (Igreja de S. Luís - Pinhel)

Contactos

Necessita dos nossos serviços? Quer passar momentos animados na companhia da nossa Música e, acima de tudo, dos nossos Músicos?!

Então contacte-nos através da internet, telemóvel ou mesmo por correio! Estaremos disponíveis para esclarecer qualquer questão.

E-mail:

Telemóvel:
917 771 921

Morada:
Banda Filarmónica de Pinhel 
Travessa Portão Norte, N.º2
6400-303 Pinhel
Portugal

Historial da Banda Filarmónica de Pinhel

Fotografia de Grupo - junho 2013

A Banda Filarmónica de Pinhel foi fundada a 6 de junho de 1986 pelo senhor Mário Augusto da Silva, então vereador do município pinhelense.

A primeira década desta coletividade foi comemorada em 1996 com um encontro de bandas na cidade de Pinhel onde prestaram, em conjunto, uma homenagem ao então Presidente do Executivo Municipal – António Miranda Cavalheiro.

Desde a fundação até finais do ano 2005, o grupo esteve sob a coordenação do senhor Mário Augusto da Silva e a regência do maestro José da Silva Cardoso.

No dia 6 de junho de 2006 a coletividade completou o seu vigésimo aniversário, tendo o acontecimento sido comemorado com um encontro de bandas filarmónicas que reuniu diversas bandas do distrito da Guarda na "Cidade Falcão". Neste mesmo ano, deslocou-se a Espanha para realizar um concerto na Feira Internacional do Queijo, em Hinojosa del Duero.

Desde o início do ano 2006 até finais do ano 2010 esteve sob a orientação do coordenador Edilberto Madeira e do maestro Joaquim Neves.

A partir do início do ano 2011, passou a estar sob a orientação do coordenador Edilberto Madeira e do maestro Gonçalo Pinto.

Em abril de 2012, por convite da "Cofradía de la Vera-Cruz", deslocou-se à cidade espanhola de Salamanca para participar nas comemorações da Semana Santa, concretamente na procissão do enterro do Senhor, realizada na "sexta-feira santa".

A Banda Filarmónica de Pinhel é atualmente composta por cerca de 35 elementos, com idades compreendidas entre os 11 e os 25 anos.

O principal objetivo desta coletividade prende-se com o facto de dar a todos os jovens e adultos (caso queiram) da cidade e do concelho de Pinhel a possibilidade de aprender música na sua escola, integrando-se, posteriormente, se possível, na banda. Para os mais jovens, a pertença a este grupo constitui um grande contributo para um crescimento harmonioso e uma oportunidade para aqueles que queiram, eventualmente, no futuro, fazer desta arte a sua profissão.

Com uma média de 30 atuações por ano, a Banda Filarmónica de Pinhel tem vindo a assumir a responsabilidade de representar o concelho por todos os locais onde passa e atua, não só em festas populares mas também em diversos encontros de bandas realizados um pouco por todo o país. Tem, igualmente, uma importante função social junto da população mais jovem uma vez que cerca de 90% dos elementos da banda tem idades inferiores a 20 anos.

Os ensaios realizam-se semanalmente na sede da Academia de Música de Pinhel, local onde funciona, também, a escola de música desta banda, com inscrições abertas para pessoas a partir dos 6 anos de idade.

Novo Blog

Por razões de cariz técnico tivemos de mudar o domínio do nosso blog.

Assim, o novo blog da Banda Filarmónica de Pinhel passa a ser este (http:\\bandafpinhel.blogspot.com), ficando o outro (http:\\bandafpinhel.blogs.sapo.pt) desativado.

Não deixem de nos visitar e estar atentos a todas as novidades!